O Projeto Oportunidade, realizado pela A.E.B. Paulo de Tarso,  tem como objetivo, em parceria com a CPMA de Catanduva-SP (Central de Penas e Medidas Alternativas), reduzir a situação de vulnerabilidade social dos atendidos de modo que se configure como processo de transformação e (re)inserção construtiva na sociedade, oferecendo espaço para prestação de serviço e execução de penas alternativas a fim de que não haja rompimento de vínculo com a família e a sociedade facilitando inclusão social do usuário. Tirando o caráter de estigmatização, possibilitando usufruir dos seus direitos quanto cidadão, mobilizando e fortalecendo a rede socioassistencial de apoio.

 

          A finalidade é reduzir o rompimento de vínculo familiar e social dos atendidos, podendo auxiliar na redução carcerária, garantindo o efetivo cumprimento da execução penal, diminuindo as vulnerabilidades que podem desempenhar o papel de favorecedores às reincidências criminais e contribuir para a mudança de paradigmas no tocante da execução penal.

 

          Nossa meta é receber 14 apenados, de segunda a sexta-feira, contando os períodos de manhã, de tarde e a noite.  E de sábado, 4 apenados, sendo 2 de manhã e 2 de tarde. 

Reconhecimento do nosso trabalho pela Secretária da Administração Penitenciária: